Fórum do mês de Novembro

É do conhecimento geral as alterações que o consumo excessivo de álcool provoca no comportamento humano e da consequente legislação vigente que visa a proibição do seu consumo pelos automobilistas.

Apesar de a situação em Portugal ter melhorado significativamente desde os anos 80 (altura em que começaram a surgir as primeiras campanhas na televisão sobre prevenção rodoviária) ainda continuamos a assistir a um número significativo de condutores alcoolizados que por incúria insistem em assumir o comando do seu automóvel. A sinistralidade nos jovens continua a ser significativa, sobretudo nas noites de sexta e sábado onde se associa a diversão noturna e o abuso de álcool.

Nos adultos de meia-idade e nos idosos ainda prevalece  a cultura da tolerância para com o vinho fruto de um contexto histórico de forte tradição do sector vinícola em Portugal. É frequente assistir-se ao hábito de beber vinho às refeições e tal facto não ser inibitório para alguns de conduzir o seu automóvel.

De seguida disponibiliza-se um vídeo onde constam as primeiras campanhas transmitidas na televisão portuguesa nos anos 80. As campanhas mais recentes têm-se mostrado mais “agressivas” de modo a alertar consciências e a sensibilizar o maior número de pessoas para esta problemática, nomeadamente recorrendo a testemunhos reais de pessoas sinistradas.

Neste Fórum propomos que se partilhem opiniões sobre esta realidade: se não é falta de informação uma vez que todos estão elucidados sobre a proibição, porque continuam a persistir situações de risco que juntam a condução ao álcool?

Partilhe o seu comentário e se desejar alguma(s) campanha(s) de prevenção rodoviária que o/a tenha sensibilizado para esta problemática… Até já!

Nota:

Salvaguardamos que o consumo moderado de álcool não é uma conduta condenada não só pela forte tradição que o vinho tem na nossa cultura mas porque alguns clínicos defendem que um copo de vinho tinto à refeição pode ter benefícios em termos de saúde. Apenas se defende o seu consumo responsável.

É neste sentido que para finalizar em jeito de brincadeira, propomos um brinde à cultura portuguesa unindo o fado e o vinho na voz única de Mariza em “Oiça lá Ó Senhor Vinho”… Desfrute deste momento!

Esta atividade de Fórum permite debater e abordar novas ideias, visa o desenvolvimento e a discussão de temas atuais, relacionados com os temas propostos nas Unidades, no âmbito da formação.

Participe e desenvolva, no seu ponto de vista, o tema exposto a debate. Se desejar, apresente exemplos representativos do que pretende ilustrar. Pode ainda comentar as participações dos colegas.

O post de cada formando não deve exceder a pág. A4 e deve ser submetido até ao final da semana. A sua participação conta  20% para a avaliação da Unidade.