Este mês vamos abordar o tema da Censura na Internet e de que forma a mesma pode afectar os profissionais no sector da manutenção e reparação Automóvel.

Donald Trump e a solução “fechar a internet”

Ainda antes de ser eleito, o presidente dos Estados Unidos da América há já um ano, Donald Trump deduzia formas e fórmulas instantâneas sobre a forma mais imediata de resolver problemas mundiais, como o crescimento do radicalismo e terrorismo internacional; numa dessas soluções propôs o seguinte:

“a solução para o radicalismo islâmico é “fechar a internet” e assegura que vai falar com quem sabe: o fundador da Microsoft. Estamos a perder muitas pessoas por causa da internet. Temos de falar com Bill Gates e com muita gente que realmente percebe o que está a acontecer”,

O magnata indicou então querer falar com o líder histórico da Microsoft para arranjar alguma maneira de “fechar a internet”. O objetivo é que as crianças dos Estados Unidos não tenham acesso à internet para não se tornarem ‘pequenos rebeldes’. “As crianças estão na internet e querem ser génios”, justificou.

 Ainda em defesa da estratégia de deitar abaixo a rede que liga computadores e telemóveis em todo o mundo, o republicano argumentou:
“Há pessoas que vão dizer ‘então e a liberdade de expressão, e a liberdade de expressão’. Essas pessoas são malucas”.

Já depois de ser eleito, Donald Trump classifica a Internet de insegura e desaconselha as pessoas de a utilizarem, indicando como alternativa o tradicional correio.

Num mundo onde o conhecimento, a circulação de informação e a aproximação entre pessoas proliferam graças à liberdade de utilização da Internet, os Estados Unidos ameaçam juntar-se ao mapa dos países que mais censuram a internet.

Não deixando de ser uma contradição absoluta, este presidente acumula 47 295 720 de seguidores e conta com inúmeras publicações onde mistura declarações pessoais e presidenciais (veja aqui, em inglês todos os posts de 2017 de Donald Trump). Por outro lado e repetidamente o Presidente censura a comunicação social classificando tudo o que são comentários e/ou notícias com as quais não concorda classificando-as de “Fake News” como este artigo do Jornal  o Público o demonstra

Analisemos entretanto abaixo um mapa dos países onde a censura é maior:

internet-censorship-world-map

Depois de ler este artigo queremos conhecer a sua opinião, considerando uma reflexão que enquadre e procure dar resposta às seguintes questões:

  1. Iria esta medida impedir a radicalização de jovens e adultos ou o terrorismo à escala global?
  2. Que implicações na sua vida pessoal iria ter esta medida (pense aqui que informações /jornais consulta, pessoas contacta ou eventos que participa graças à internet).
  3. Na sua área e vida profissional como isto o afectaria? Como afectaria a empresa onde trabalha (ou trabalhou); iria funcionar melhor ou pior? Especifique eventuais vantagens e desvantagens da ausência de internet.

Para participar basta clicar em INSERIR COMENTÁRIO, não esquecendo de indicar o seu nome e curso para que o seu contributo seja avaliado. Os vossos comentários serão primeiro sujeitos à aprovação do professor pelo que podem não ficar imediatamente disponíveis.

Não se esqueça de comentar os seus colegas!

Cotação: 20% da média da Unidade em estudo.

As atividades no Fórum de Discussão permitem debater e abordar novas ideias, visa o desenvolvimento e a discussão de temas atuais, no âmbito da formação.

Fico a aguardar as vossas participações com expectativa, o vosso contributo é muito importante para o sucesso deste fórum.

Bom trabalho e um bom Fórum para todos!

Os dez países com maior censura na internet do planeta

Qual a sua opinião do tema discutido este mês no Fórum?

View Results

Loading ... Loading ...