Solar térmico: Mercado europeu vale 2,4 mil milhões

Em 2012, a indústria solar térmica europeia representou um volume de negócios de 2,4 mil milhões de euros e foi responsável por 32.000 postos de trabalho. Estes números foram apresentados pela ESTIF (European Solar Thermal Industry Federation), durante a feira Intersolar Europe, que está a ter lugar desde dia 19 em Munique, na Alemanha.

Comparativamente a 2011, os números da ESTIF confirmam uma nova queda no mercado, de 6,4%, com 3,4 milhões de m2 instalados em 2012 (2,41GWth). O Barómetro europeu EurObserv’ER tinha já antecipado esta tendência.

A tecnologia contribuiu com 20 TWhthpara a energia térmica usada na Europa, com uma capacidade total instalada de 28.3 GWth.

Os segmentos de mercado mais tradicionais e que estão já bem implementados, como o da produção de águas quentes sanitárias para habitações unifamiliares, foram os que mais sentiram os efeitos da crise, destaca a mesma fonte. Em contra partida, segmentos emergentes, como por exemplo o de aplicações de larga escala, estão a registar uma trajectória ascendente.

Em termos de mercados nacionais, a Alemanha, cuja capacidade instalada representa 40% do total europeu, viu a nova área instalada cair 9,4%. Os países do Sul, nomeadamente Portugal, Espanha e Itália, continuam com quedas significativas em reflexo das condições económicas que vivem. Por sua vez, o mercado grego manteve-se estável nos últimos dois anos, confirmando a maturidade da tecnologia como uma opção de poupança e independência energética no país. Polónia, Hungria e Bélgica registaram também números de positivos, graças à aplicação de incentivos para alavancar mercados em fase inicial de desenvolvimento.

Fonte:

http://edificioseenergia.pt/pt/noticia/solar-termico-mercado-europeu-vale-24-mil-milhoes

José Consciência