A evolução da tecnologia permite que sejam usados veículos em determinadas situações que não será o seu habitat natural. Encontra-se a circular em Lisboa um TÁXI Nissan Leaf, veículo exclusivamente eléctrico, sendo efectuado um balanço de mais de um ano de actividade pelo proprietário.

Um taxista aceitou o desafio de conduzir um carro 100% eléctrico na cidade de Lisboa.

“Volvidos oito meses e 15 mil quilómetros, o taxista recorda que “quando, em Agosto de 2012, aceitei o desafio de trabalhar com um táxi Nissan Leaf, estava longe de imaginar que ia gostar tanto”.

O táxi Nissan Leaf resulta de um protocolo entre a Nissan Ibéria Portugal e a Prio.E, a unidade da Prio Energy responsável pelo desenvolvimento dos serviços de mobilidade eléctrica em Portugal e no estrangeiro.

De acordo com a marca nipónica, os táxis da capital portuguesa percorrem entre 80 a 120 quilómetros por dia, pelo que o Leaf consegue corresponder às necessidades dos taxistas.

Os custos de utilização bastante reduzidos em relação a um táxi convencional e a ausência de manutenção são as principais vantagens em conduzir um táxi eléctrico.

Cerca de 80% dos clientes considerara a experiência de utilização de um táxi eléctrico “melhor” ou “muito melhor” face a um táxi convencional.

Dos 600 inquiridos, 70% revela que, caso pudessem escolher entre um táxi com motor de combustão ou um táxi eléctrico, optariam sempre pelo eléctrico!

O taxista José Ferreira rapidamente rendeu-se aos encantos do Leaf. “Apesar de sempre ter operado com uma marca “premium”, a verdade é que fiquei rendido ao Nissan Leaf e, em Dezembro de 2012, resolvi mesmo adquiri-lo. E a opção é fácil de justificar: conforto, silêncio, satisfação dos clientes e, claro, a racionalidade dos números. Para além do interessante preço de aquisição, a Prio.E propôs um pacote de serviços bastante competitivo. Em relação ao tempo em que operava com um táxi equipado com um motor diesel, os custos são 50% inferiores!”, conclui. “

Comente esta experiência considerando o impacto que teria a obrigatoriedade para todos os cerca de 3.500 TAXIS que circulam em Lisboa serem 100% eléctricos. Acha que seria uma medida significativa? Que poupanças e vantagens se poderiam esperar?

Experiência semelhante em Lisboa mas com outros automóveis http://greensavers.sapo.pt/2012/04/09/lisboa-ja-apanhou-um-taxi-electrico-com-video/

Bom trabalho!